<$BlogRSDURL$>

27.7.04

Esse blog está a beira da falência... ando sem idéias sobre o que postar, não quero mais dizer coisas do tipo: meu dia foi assim assando, ainda mais nas férias que a maioria dos dias se resume a internet, televisão e alguma coisa com as pessoas que aqui entram. Mas... vamos lá!

Durante esse tempo de exclusão digital (do blog só) eu vi o clipe novo do korn e passei um tempo pensando sobre ele e sua hipocrisia. Durante o clipe ficam aparecendo algumas frases sobre a industria fonográfica, que por mes lança 100 músicas mas apenas 4 viram sucesso e que essas 4 tocam 100 vezes nas rádios. Essa é só uma das várias frases que metem pau no mercado monopolista. O mais engraçado é que quando acaba o clipe aparece na "legenda" Korn, bla bla bla, Sony Music. Esse tipo de postura sempre vendeu, é a formula mais batida depois de uma bela bunda com um belo rostinho. O grande porém é o que eu não entendo, porque vende esse tipo de coisa se quem consome se diz anti-mcdonalds e malandrão... provavelmente a resposta está na turma do vinho/praça da independencia.

Outra questão que me intriga e é muito mais interessante que juventude poser é: "O que seria das comidas sem o tomate?".

29.6.04

Milianos sem atualizar... não vou atualizar de verdade agora porque to com sono mas me sinto obrigado a colocar aqui o link de alguns flashs das antigas que eu achei depois de incansáveis procuras no google.

Spiderman

"TITITA TITUTU TIIIPATITITUUU,
TUTUTU TUTUTU TUTUTU
TUTUTUUU TUTUTITITUUU,
HAHAHAH!"


Faro-Fa-Fa!

Conheci hoje mas dizem que é meio velha... bonequicha

e a mais clássica de todas, a mais roots:
Hatten är Din

10.6.04

É incrível a quantidade de coisas disponíveis no mundo para passar o tempo, principalmente quando se tem prova ou algum compromisso... a minha mais nova descoberta foi Gunbound, um joguinho online que se parece com Worms só que você joga com pessoas do mundo inteiro, geralmente com alguém de qualquer país subdesenvolvido que tem sua economia com base no tráfico.



O maior problema do jogo é que é grande (99Mb) e têm atualizações pequenas, só que quase todo dia. Continuando nesse mesmo papo de joguinhos que distraem, tenho que dizer aqui, apenas para desabafar. Como é ruim o final de Prince of Persia, puta jogo irado, gráfico legal, jogabilidade boa, nível de desafio razoavel e chega no final é ridículo, não tem chefão, passa um videozinho podre e pronto, fiquei realmente descepcionado. Agora tenho que terminar Need for Speed que também ja fiquei sabendo que o final é safado, jogar gunbound e perder um pouco de tempo com Beatmania clássico...

Com base na livre associação de idéias eu vou continuando pelos clássicos. Após anos e anos tentando lembrar qual era a porra da música dos 3 negrinhos do reggae finalmente eu do nada, quando o Orlando pos o assunto em questão, lembrei.



A banda é Musical Youth e foi formada por cinco moleques de Birmingham (Inglaterra), berço de grandes nomes da música como Ozzy Osbourne (Black Sabbath), Mike Skinner (The Streets), John Bonham (Led Zeppelin), Duran Duran e Fine Young Cannibals. Fizeram sucesso só com o hit Pass the Dutchie (do clipe), uma música que fala principalmente sobre maconha, uma banda de crianças cantando uma ode a maconha - coisa feia, e depois não fizeram mais sucesso, mesmo sendo apadrinhados pela Donna Summer.

Acho que é isso.

28.5.04

Falei que ia postar mais mas não deu... Segunda, terça e quarta meus dias inteiros foram dedicados a trabalhos e mais trabalhos, malditos sejam o objeto estético e sua monografia, o silk-screen, a pesquisa em propaganda e a criação de uma marca.
Na quinta quando minha vida deveria ter voltado ao normal, nada pra fazer e tempo livre de sobra eu tive a maravilhosa idéia de ver como era Prince of Persia de playstation 2, jogo adquirido no final de semana. Resultado, não consegui sair da frente do video-game, puta jogo irado, pena que é curtinho... em um dia eu ja joguei 25% do jogo. Eu aconselho esse jogo a qualquer pessoa que tenha o play 2. Coitado do Need for Speed, vai ficar jogado as traças até eu terminar o Prince of Persia.

Falando em Prince...


A capa é feia mas o conteúdo é muito bom.

23.5.04

Puta que pariu!
Faz tanto tempo que não posto aqui que acabei perdendo várias coisas interessantes pra falar... várias idéias ficaram jogadas as traças. Tudo isso é culpa do Playstation 2 e o maldito jogo Need for Speed: Underground. Esse jogo é muito foda e me toma quase todo tempo livre. Tudo bem, eu podia ter postado alguma coisa, isso não toma tempo mas sei lá o que que aconteceu.

Nesse meio tempo coisas bacanas aconteceram, doei sangue, fui no show do Motörhead, etc. Doar sangue me levou a pensar no porque as coisas sempre dão errado comigo, sempre que faço alguma coisa algo de errado tem que acontecer, sei lá, parece perseguição do destino, se é que existe destino... Cheguei la, esperei, fiz um cadastro, esperei mais um pouco, passei pela entrevista malvada que mais parece um depoimento pra polícia... depois disso esperei mais um pouco e lá vou eu. Deitei na maca e a mulher me espetou o braço esquerdo, desespetou e espetou denovo, ficou me furando até achar a veia direitinho pra depois virar e falar então, essa veia não da porque o fluxo não é bacana, é uma veia falsa... Vamos tentar no outro braço, se não for vc não doa sangue... fiquei tristão... A veia que ela espetou ela mandou no mesmo sentido do fluxo, claro que não ia esguichar sangue pelo caninho... Daí na outra veia foi tranquilão, enchi os 450mL em uns 2 minutos e meio, 3...

O show do Motörhead foi foda... eu comprei na porta, de última hora mas valeu a pena os 35 reais, show clássico com roquenroll do melhor... Rolaram uns hematomas por causa das rodas com os motoquero do Hell Angels, tudo barbudo malvado, um monte de Gimli gigante e monstruoso... nunca vi roda do tamanho que foi quando tocou Bomber e Ace of Spades... Agora o próximo show da agenda é Children of Bodom mas esse eu não tenho certeza se vou, depende do preço, tirando esse é Twisted Sister certeza...

Essa última semana e mais alguns dias to na correria da campanha da chapa que eu to entrando pra domiar o CA mais trabalho e por aí vai...

Prometo que com o meu computador aqui em sampa eu vou atualizar mais esse tal de blog...

27.4.04

Me enganei quanto àquele dia ser o último dia de provas... esqueci de uma prova não tão difícil mas não mais importante que o resto, a prova da DP... Foi no sábado passado e por coincidência ou filha-da-putice da faculdade, no dia da prova eles resolvem mudar o horário de 9:20 pras 7:30, maldade, mas agora sim, livre das provas por no mínimo 1 mês. Essa semana que se passou meu comportamento pode ser comparado com o de um roquenroll poser, nunca fui tanto à galeria do rock na minha vida inteira do que essa semana. Tudo começou com o Lucas (goiabinha) vindo pra São Paulo pra festinha e pra fazer camisetas da banda la na galeria... Depois de passar la e fazer tudo eu fiquei de pegar as camisetas prontas na sexta, porém, elas não estavam prontas e por causa disso eu fiz um tour gigante por Sampa. Daí no sábado o Lucas voltou pra ca e nós finalmente pegamos as camisetas, o pior é que eu nem passei na galeria dos negão pra ver algum cd bacana.

A festinha foi supimpa, faltou um pouco de alcool mas foi legal. Cheguei em casa por volta das 3h e ja tinha um pessoal ansioso pela minha companhia e logo o espirito de arnaldo bateu na roda e começaram os jogos, foi de Eu Nunca até Gato Mia, passando por Caruê e Meio Limão, bla bla bla limões... Foi passando o tempo e as garotas foram indo embora mas tudo terminou tipo um rodizio, uma dupla foi embora as 6, outra as 8 e mais uma as 10... depois de uma camelada até o Habib's e o retorno ao lar apareceram mais algumas mocinhas, dessa vez moças da república da frente. A festinha se extendeu até as 6:30 da manhâ +-, menos o Orlando que ficou ate meio dia jogando playstation 2 non stop.

Depois da prova de sábado e o fim da saga na galeria do rock eu finalmente voltei pra Santos, passei em casa, deixei a mala, tomei um banho e fui pro churrasco no Cantor, fiquei das 3 até as 9 tomando uma cerveja atrás da outra, nessa hora ainda tinha planos de sair a noite com o pessoal. Cheguei em casa tava minha mãe, o arafat e o irmão do arafat comendo salaminho e tomando uma cervejinha, então eu continuei... o sono foi batendo, o cansaço também, estava acordado desde as 6h da manhã... encostei na cama e todos os planos de balada foram por água abaixo, só acordei no dia seguinte. Meu domingo também não foi muito produtivo, eu só fiz crescer mais ainda o mundo da pirataria e no começo da noite fui até a Vila Belmiro ver o jogo do Santos contra o Botafogo, joguinho, podia ter sido muito melhor... (eu tinha escrevido esse muito cmo vários Us pra valorizar a qualidade ruim do jogo mas resolvi tirar, tava muito "tudo de bom").

Bom, vou-me ja andando, até...

19.4.04

PUTA QUE PARIU!
Passou tanto tempo desde o último post, que até o template fugiu daqui... pra falar a verdade não sei muito bem sobre o que falar nesse momento.

Vou começar pelas notícias pendentes. Aleluia, consegui arrumar um apartamento segundos antes de virar um homeless, num golpe de sorte arrumei um apartamento em perdizes, do lado da PUC (umas 3 quadras). O apartamento é irado, 9º andar, não tem mais pombas na janela, tem "pufe", televisão que meu playstation pega colorido, geladeira e tem multicanal surrupiada da vizinha, provavelmente a melhor aquisição. Ah, a janela da sala é gigante e da pra ficar olhando todo mundo dos prédios em volta, meio que Janela Indiscreta do Hitchcock, essa janela rendeu uma amizade com uma republica feminina de garotas descoladas da Santa Marcelina, elas moram meio que de frente pro meu prédio, no prédio que o Tom Zé, que é meu vizinho de prédio, faz jardinagem. Agora nesse apartamento novo a coisa melhorou um pouco, pelo menos tem cara e ritmo de republica, o foda é abdicar de uma festinha com caipirinha e várias moças (teoria da xota circulante, um assunto pros Devaneios do Orlando) por ser na véspera de duas provas chatas.

Sexta passada eu fui convidado pra assistir ao ensaio da Sr. Skay, banda de um colega meu, o Alfredo, que ta terminando de gravar o cd. O estúdio que eles tão gravando está recebendo a visita do Clube do Balanço, que ta gravando o cd novo. E é ai que eu entro, de penetra. Na sexta eles iam gravar e isso foi o ponto decisivo pra minha sexta a noite ter sido em São Paulo. Cheguei la no estúdio e fiquei acanhado de entrar no estúdio do Clube porque eles tavam compenetrados arrumando algumas coisas. Depois de um tempinho eu dei outra passada la e o samba rock tava rolando solto, me infiltrei na sala, conheci alguns dos membros da banda (Mattoli - guitarra e voz; Gringo - baixo; Fred Prince - percussão e Augustinho Bocão - percussão também), conversei um tempinho e ainda ouvi duas musicas do cd novo que eles tinham acabado de gravar. As músicas são muito boas mesmo sem estarem mixadas e sem o arranjo dos metais. E por falar nisso, sábado agora vai ter show deles lá no Urbano, eu to afim de ir, vamo ae... 15 reais com a carterinha do clube. E falando em show, Motörhead dia 14/5, Massive Attack dia 24/5 e o mais esperado do ano, Twisted Sister dia 28/8.

Hoje foi o último dia da semana de provas, um puta alivio. Semana passada eu tinha em média 50 páginas pra ler por dia pras provas, sempre com compromissos pras aulas, prova e trabalho, trabalho e trabalho, prova e prova e festinha de noite, a combinação mais filha da puta. Agora volta o ócio, poder ver malhação sem pensar que tem que estudar depois é uma maravilha. Para comemorar o fim da semana de provas, minha mudança e o feriado perdido no meio da semana, amanhã rola uma festinha em casa. Quem quiser vir está convidado, é só levar um drink ou uns pacotes de torcida:
Rua Dr. Homem de Melo, 804 ap.92 - Perdizes - São Paulo/SP. Até mais ver.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?